Esqueçeu a senha?
Visitas: 586743
 
DOMUS arrow História do Design
História do Design
ZANINI CALDAS - ESPECIAL PDF  | Imprimir |

ZANINE CALDAS     (Belmonte, 1919Vitória, 20 de dezembro de 2001

165195149zanine_foto-carla-fausi.jpg

1919, Belmonte (BA) - 2001, Vitória (ES)
 
Aos 20 anos, iniciou-se na área de arquitetura, com uma empresa de maquetes no Rio de Janeiro, onde teve contato com nomes como Oscar Niemeyer e Lúcio Costa. Essa convivência abriu-lhe a oportunidade de participar da construção de Brasília, produzindo as maquetes dos edifícios da nova capital.

Sua produção de móveis começou na metade do século XX, quando abriu a Fábrica de Móveis Z, em parceria com Sebastião Pontes. Até os anos de 1960, trabalhou no desenho e produção de móveis, atividade que lhe valeu uma sala especial na V Bienal Internacional de Arquitetura e Design de São Paulo, realizada em 2003.
 

CLIQUE EM  LER MAIS  LOGO ABAIXO E CONHEÇA TUDO SOBRE A FASCINANTE TRAJETORIA DE ZANINE CALDAS

                                          zanini.jpgzanini_2.jpgzanini_3.jpg

Ler mais...
 
MARCUS FERREIRA PDF  | Imprimir |

                              MARCUS FERREIRA

fotomarcus.jpgDesde 1993 atua no desenvolvimento de mobiliário residencial.
Os produtos assinados por MARCUS FERREIRA podem ser encontrados hoje na Europa, América e Oceania.

Recebeu em 2001 o XV prêmio Design Museu da Casa Brasileira, categoria Mobiliário Residencial, com o produto Sofá Ninho.

Recebeu também em 2001 da ABIMÓVEL, o certificado de BOA FORMA, com o produto mesa LISS.

Em 2003 a poltrona GIRAMUNDO foi eleita uma das vinte melhores peças de design da Feira de Colônia – Alemanha.

Em 2007 recebeu dois prêmios IF DESIGN AWARD em Hannover - Alemanha um dos prêmios mais consagrados internacionamente com os produtos sofá STAY e sofá STUDIO

                                                                                                                            fonte; site decameron design.

                                               giramundo03_marcus.jpgpolt_marcus_ferre.jpgpolt_marcus_ferreira_2.jpg

 

 

 

 
IRMÃOS CAMPANA PDF  | Imprimir |

02-campanas-int.jpgConhecidos internacionalmente como Irmãos Campana, Fernando e Humberto nasceram no interior paulista. O Estúdio Campana surgiu há 21 anos. Humberto, formado em Direito, criava peças, objetos e algum mobiliário e Fernando, arquiteto, foi trabalhar com o irmão. As criações falam e calam aqueles que as contemplam.
"Em dez anos de carreira, os irmãos Campana seduziram a indústria italiana de design, sobretudo a de Milão, onde estrearam com uma luminária batizada de Estela, nome do tecido emborrachado com o qual a peça é feita - material que os italianos até hoje importam do Brasil, para depois revender por aqui o produto final a preços pouco simpáticos. Em 1998, Fernando e Humberto ganharam uma retrospectiva no Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMA), graças ao convite da curadora de Design e Arquitetura do museu, a italiana Paola Antonelli, que veio ao País pela primeira vez há dois anos, também seduzida pela criação da dupla.

Os Campanas tornaram-se em pouco tempo uma referência do design brasileiro e, ainda assim, tiveram de esperar dez anos para ter a primeira peça produzida por uma indústria nacional. Foi a Cia. de Tapetes Ocidentais a primeira a reproduzir a criação dos dois irmãos.

A seguir, melhor do que palavras são as obras de Fernando e Humberto Campana:

images_anemona.jpg02-campanas-banquete.jpg02-campanas-cadeira.jpg02-campanas-multidao.jpg02-campanas-sushi.jpg

 
SÉRGIO RODRIGUES ESPECIAL PDF  | Imprimir |

sergio_rodrigues.jpg      

Sergio Rodrigues é esta figura iluminada de personalidade marcante, que soube transformar suas inquietações numa obra coerente e reveladora da cultura brasileira. Sergio é, sem dúvida alguma, uma das mais admiráveis expressões do design em nosso país. O traço coerente e único inscreveu seu nome na história do design do século 20, sobretudo pela criação de uma grande variedade de produtos, dos quais o mais famoso é a Poltrona Mole .

 Sergio Rodrigues desenvolveu uma ampla experiência de produção, procurando pensar o Brasil pelo design . Ele transformou totalmente a linguagem do móvel, foi generoso no traço e no emprego das madeiras nativas e, como bem afirmou Lucio Costa , " com a criação da Oca integrou a ambientação de interior no movimento de renovação de nossa arquitetura ."

Inicialmente, como arquiteto, trabalhou ao lado de David Azambuja , Flávio Regis do Nascimento e Olavo Redig de Campos no projeto do Centro Cívico de Curitiba , obra importante no quadro da arquitetura moderna brasileira. Mas, conhecendo com firmeza seus interesses e trilhando por um caminho percorrido por outros grandes arquitetos como João Batista Vilanova Artigas , Oscar Niemeyer , Oswaldo Bratke e Paulo Mendes da Rocha ,Sergio saltou da arquitetura para o design do móvel.

        "A aproximação de desenho do móvel moderno com certos objetos da cultura brasileira, e a não preocupação com modismos, acentuam o espírito de brasilidade que tanto busca Sergio Rodrigues . Esses dois fatos foram preponderantes da decisão do júri da IV Bienal do Móvel , Cantu,   Itália 1961,   premiado com a Poltrona Sheriff entre 400 candidatos de 35 países."

Textos extraídos do livro Sergio Rodrigues da Maria Cecília Loschiavo 

 Não vamos atribuir tudo a genética, afinal cada um tem seu gênio. Mas que o talento de Sergio Rodrigues tem ascendência, tem. A mais notória delas é a do tio jornalista e dramaturgo Nelson Rodrigues . Outras são a do pai o pintor e ilustrador Roberto Rodrigues que mesmo tendo morrido prematuramente aos 23 anos deixou como legado obra posicionada criticamente em relação aos julgamentos por parte da crítica instituída. E segundo Portinarti , seu colega, " teria sido um dos maiores artistas plásticos do Brasil ". Dentro de uma família intelectualizada por parte do pai, os Rodrigues , pelo lado da mãe, os Mendes de Almeida , ( Fernando e Cândido ), juristas, jornalistas, foi gerada a personalidade do arquiteto e designer Sergio Rodrigues que recebeu como legado o senso crítico, a exuberância e o humor familiares.   Uma das manifestações dessa herança foi a defesa da criação de formas a partir de referências brasileiras, um olhar atento ao que era criado pelo mundo e contrário ao macaquear de referencias. Essa postura tão simples quanto clara, deu a ele a possibilidade de ser o pai das mais celebres criações do design brasileiro.

Adriana Doria Mattos

  Jornalista

images_sergio.jpg

mole_sergio.jpgsergio_rod.3.jpg

 
ILSE LANG PDF  | Imprimir |
ilse_lang.jpg
Ilse Lang é formada em Arquitetura pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. É designer de móveis e objetos, já tendo recebido prêmios nacionais e internacionais por peças que desenhou. Em 1994 fundou a Faro Design, em Porto Alegre. A empresa cuida do design, fabricação e distribuição de móveis e acessórios.
A arquiteta Ilse Lang é uma das grandes revelações do design brasileiro. Com peças premiadas como a banqueta Onda, vem cada vez mais se destacando no cenário nacional e também internacional. Seu traço limpo e funcional, faz de suas peças produtos marcantes em qualquer decoração.
Em 2007 Ilse Lang foi premiada na Alemanha com o iF product design award, considerado o "OSCAR" do design , um dos premios mais importantes do design europeu, através de sua mesa de jantar/reunião Lotus.
Com peças reconhecidas e admiradas em varios paises Ilse Lang esta ao lado dos grandes nomes do design nacional, reconhecidos em todo o mundo. Um exemplo disso é este artigo publicado por Nora Schmidt no site architonic da Alemanha. ("or the perfectly formed Fenda chair by Ilse Lang, who produces her designs under the Farodesign label, are good examples of work beyond the European horizons, that are worth exploring. In our new special topic of 'Design from Brazil' we would like to present a selection of our personal favourites." )
                                                 banco_tribo_ilse.jpg     borboleta_ilse_lang.jpgchaise_fenda_ilse.jpg
 
PEDRO MENDES PDF  | Imprimir |

pedro_mendes.jpg

Pedro Mendes (São José do Rio Preto SP, 1952)

É designer graduado pela Universidade Presbiteriana Makenzie (82). Cresceu no pólo moveleiro de Mirassol, onde, logo cedo, demonstrou interesse em saber como as coisas funcionavam, particularmente nas marcenarias e nas oficinas mecânicas, sempre lendo e desenhando.
O trabalho na construção o aproximou da madeira; também cursou Administração de Empresas, mas em seu quarto de século profissional, tem se dedicado exclusivamente ao design de móveis, principalmente depois que se uniu a fabricante de pianos,   Pianofatura s/a, e criou a Sette IDL.
                                                                                                                                             

                                           mesa_pedro_mendes.jpg

                                                                                                                                                                 Fonte:Portal DesignBrasil

Ler mais...
 
BAUHAUS PDF  | Imprimir |
A Bauhaus congregou importantes criadores de vanguarda, que fixaram algumas diretrizes estéticas que iriam prevalecer em todo o mundo durante o século XX.

A Bauhaus é a primeira escola de desenho industrial moderno. Funciona de 1919 até 1933 com o objetivo de ligar arquitetura a arte. A Bauhaus propõe uma arte não apenas decorativa, mas também funcional, de modo a atender às necessidades da sociedade industrial e tornar mais harmonioso o cotidiano das pessoas.
Ler mais...
 
MARCEL BREUER PDF  | Imprimir |

 Marcel Breuer (1902 - 1981)Hungría/Alemanha
Nasceu em 21 de maio de 1902 na pequena cidade de Pecs, Hungria. Seu estudo e Magistério inicial na Bauhaus, em Weimar e Dessau na década de 20, introduziram este “garoto prodígio” aos gigantes daquela era: Le Corbusier, Mies Van Der Rohe e Walter Gropius que tiveram influência durante toda sua vida profissional.

Quando deixou a Alemanha em 1935 para juntar-se á Gropius em Londres, Breuer já era um dos mais renomados designers da Europa. Sua reputação foi baseada na invenção de móveis em aço tubular, importante desenvolvimento em materiais e técnicas.

Dois anos depois, Gropius pediu que ingressasse na Faculdade de Arquitetura de Haward e, durante a Segunda Guerra Mundial, sua parceria revolucionou o design residencial americano, enquanto lecionava para uma geração de futuro famosos arquitetos.

Em 1968 recebeu a medalha de Ouro da AIA (Associação Internacional de Arquitetura), e a primeira medalha da Fundação Jefferson, que o citou ”com excelência acima de todos os outros arquitetos vivos no mundo, pela qualidade de seu trabalho”. Aposentou-se em 1976, falecendo em 1º de julho de 1981.

 
<< Início < Anterior | 1 2 | Seguinte > Final >>

Resultados 1 - 18 de 21